Ser + News – 148ª Edição

SerNews-01
De 06 de fevereiro a 12 de fevereiro/2020  – 148ª edição
SerNews-05
corona
CORONAVÍRUS E NOVO CORONAVÍRUS:
O QUE É, CAUSAS, SINTOMAS, TRATAMENTO E PREVENÇÃO.
Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (nCoV-2019) foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados em Wuhan, na china.

Dos 7.700 casos de infecção confirmados2% até o momento resultaram em morte – o número equivale a 170 pessoas.
No Brasil, até 03 de fevereiro de 2020, são 15 casos suspeitos em investigação para o coronavírus em sete estados, mas nenhum deles foi confirmado.

Uma pesquisa indica que o vírus pode ter vindo de carne de animais selvagens vendidos em um mercado de frutos do mar em Wuhan. Ainda não está claro como o vírus saiu dos animais e contaminou os seres humanos, mas é possível que seja da carne consumida.

Alguns tipos de coronavírus podem causar doenças graves com impacto importante em termos de saúde pública, como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS) e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS).

Existem algumas variações do vírus já descobertas:

  • Alpha coronavírus 229E e NL63;
  • Beta coronavírus OC43 e HKU1;
  • SARS-CoV (causador da Síndrome Respiratória Aguda Grave ou SARS). Houve epidemia em 2002.
  • MERS-CoV (causador da Síndrome Respiratória do Oriente Médio ou MERS); Houve epidemia em 2012.
  • nCoV-2019: chamado de novo coronavírus,que surgiu na China em 31 de dezembro de 2019.
É importante ficar atento aos sintomas de febre, tosse, dificuldade para respirar e em alguns casos mais graves ocorre também a pneumonia.

O contágio entre humanos ocorre através do ar e de secreções contaminadas, por isso, é importante tomar alguns cuidados de higiene básica:

  • Lavar bem as mãos
  • Evitar aglomerações
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com mãos sujas
  • Cobrir a boca e o nariz com o braço ao tossir e espirrar
  • Evitar contato com pessoas doentes
  • Ficar em casa quando estiver doente
  • Usar álcool em gel
  • Para pessoas com os sintomas é recomendado o uso de máscaras e procurar um hospital de referência para o Coronavirus ou o hospital mais próximo.
Por mais que as medidas possam parecer ineficientes, são as mais eficazes, dada a situação atual, com falta de vacina e de tratamento específico para a doença.
Clique e veja a lista dos hospitais
referência no brasil
ARTES212323123
DOENÇAS PSICOSSOMÁTICAS (parte 1)
De acordo com psicólogos e psicoterapeutas, doenças psicossomáticas são aquelas doenças que são provenientes da mente, ocasionadas por questões emocionais não tratadas, distúrbios psíquicos tais como depressão, ansiedade, fobias, entre outros.

Corpo e mente estão sempre interligados, isto já é comprovado. Doenças psicossomáticas levam a somatização, ou seja, a pessoa apresenta inúmeras queixas físicas, localizadas em diversas partes do corpo, mas que não são explicadas pela presença de nenhuma doença fisiológica ou alteração orgânica.

A palavra psicossomático, originalmente exprime o conceito Aristotélico da junção de duas palavras gregas: psique (alma) e soma (corpo), portanto essa doença tem origem na alma e no psicológico.

Causas: Não há regras especificas que prevaleçam, e sim uma predisposição do seu histórico desde a gestação, até o presente momento que esteja vivendo. Exemplos:

  • Quando o bebê em desenvolvimento sente todos os medos, sentimentos tristes e outros da mãe.
  • Conflitos familiares, violência doméstica, traumas e ou eventos marcantes como Bullying, esses atos podem causar danos psicológicos e físicos às vítimas.
  • Escolha de uma faculdade, uma carreira, primeiro emprego, conflitos e abusos amorosos.
  • Desemprego, insatisfação ou excesso de trabalho, transição de carreira ou emprego.
  • Perdas financeiras, luto, mudança nos padrões de relacionamento (com as inovações tecnológicas: WhatsApp, Redes Sociais, favorecendo ambientes restritos aos virtuais).
Na próxima edição traremos mais algumas informações importantes como: sintomas; Alguns exemplos de “Efeitos colaterais” e formas de se proteger e cuidar das doenças psicossomáticas.
SerNews-06
SER CHUVA
A  CHUVA
As chuvas fortes, em Minas Gerais, deram uma trégua. É hora de reerguermos a cabeça e tentarmos mudar nossas vibrações! Um primeiro passo importante para isso é começarmos a compartilhar mensagens consoladoras ao invés de compartilharmos apenas as “tragégias” e “estragos” feitos. Vejam que lindo um poema escrito pelo espírito Casimiro Cunha pela mediunidade de Chico Xavier.

A  CHUVA
Casimiro Cunha

Folhas secas. Terra ardente.
Calores. Desolação.
Mas a chuva vem do céu
Trazendo consolação.

Toda semente que é boa,
Entre júbilos germina,
É a bela fecundação
Da natureza divina.

As árvores ganham forças,
Alimpa-se a atmosfera,
A verdura em toda parte
Tem cantos da primavera.

Às cidades, como aos campos,
Aos ninhos, à sementeira,
O pombo níveo da paz
Traz o ramo da oliveira.

Sopra o vento brando e amigo,
Em vagas cariciosas,
Levando a mensagem doce
Que nasce do odor das rosas.

A chuva que cai do alto
É benção que se derrama…
Na flor é orvalho celeste,
No pó do chão faz a lama.

Assim, também, os ensinos,
Que nos dão verdade e luz,
São a chuva generosa
Da inspiração de Jesus.

Cai sobre todos. No amor
É raio de perfeição,
Mas no pó da ignorância
É falsa compreensão.

Deus, porém, que é Pai Bondoso
Entre as leis universais,
Faz com que a lama produza
Sementes, flores, trigais.
*
Eis a razão pela qual
Nossa indigência produz:
Inda mesmo em nossas sombras,
O evangelho é sempre luz.

Livro: Cartilha da Natureza – Espírito Casimiro Cunha – Psicografia Chico Xavier

Ainda dentro deste assunto, aproveitamos  a oportunidade para informarmos algo que muita gente não sabe. Existe uma lei (Lei 10.878/2004)  que garante aos trabalhadores que estão em situação de risco,  afetados pela chuva, fazer um saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), no limite máximo de R$ 6.220 por pessoa. 

Na última terça-feira (28/01), o Diário Oficial da União trouxe o reconhecimento dessa situação em mais 54 municípios mineiros.

De acordo com a lei, o trabalhador afetado pelas chuvas tem 90 dias para fazer o saque na Caixaa partir da data da publicação do reconhecimento federal da situação de emergência ou calamidade no município em que reside.

ATENÇÃO: O trabalhador atingido que quiser sacar o FGTS deverá procurar a Defesa Civil do município, responsável por mapear as áreas que sofreram danos. Somente com documentos emitidos pela prefeitura é que se poderá fazer o saque.
Uma informação também importante para ser compartilhada, não é mesmo? Pratique esta ideia: compartilhar boas coisas sempre!

SerNews-03
SER DICAS 2
DICAS DE 120 FILMES, SÉRIES E DOCUMENTÁRIOS – PARTE 3
Vai aí mais uma listinha interessante de filmes, séries e documentários que estão ajudando no despertar de uma nova consciência para curtirem no fim de semana que se aproxima.

Abaixo seguem os links para que possam clicar e conferir! Aproveitem!

SerNews-02
DOE PARA O HEAL
Siga-nos em nossas redes sociais!

Quer receber informações sobre o HEAL?

Cadastre-se e receba nossos informativos!

Ao enviar este formulário, você automaticamente estará aceitando nossa política de privacidade.

Quer receber informações sobre o HEAL?

Cadastre-se e receba nossos informativos!

Ao enviar este formulário, você automaticamente estará aceitando nossa política de privacidade.